Alcino Soutinho

Alcino Soutinho

Alcino Soutinho faz parte da chamada “Escola do Porto” sendo autor de uma vasta obra principalmente no norte do país.

 

  Alcino Soutinho in Porto24

Alcino Soutinho (1930-2013) nasce em Vila Nova de Gaia tendo vivido no Porto desde criança. Forma-se pela Escola Superior de Belas Artes do Porto em 1957. De imediato inicia atividade em regime liberal na cidade do Porto.

Em 1961 faz investigação na área da museologia em Itália apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian. Paralelamente e até 1971 projeta habitação social para a Fundação das Caixas de Previdência.

Lecionou na Escola Superior de Belas Artes do Porto e, entre 1972 e 1999, na Faculdade de Arquitetura da Universidade de Porto. Foi professor de arquitetos como Eduardo Souto de Moura.

Alcino Soutinho tem mais de uma centena de projetos de diferentes escalas. É autor de edifícios de ensino universitário, equipamentos públicos, museus e edifícios de habitação multifamiliar e unifamiliar. Foi galardoado com diferentes prémios nacionais e internacionais, como o Prémio “Europa Nostra” em 1982.

A sua arquitetura valoriza o sítio como um elemento que fornece linhas orientadoras para a conceção do objeto arquitectónico. Nos seus projetos dá grande importância à luz e à transparência. Em alguns dos seus edifícios faz uso da curva ou de ondulações que introduzem uma grande riqueza espacial.

Em 2009, revela a sua faceta como pintor, numa exposição de desenhos seus. Esta vocação vem desde cedo, quando quis entrar para Pintura, mas por pressão familiar acabou por seguir arquitetura.

Como pessoa, os próximos descrevem-no como um homem íntegro e de um grande sentido de humor.

+INFO

Alcinho Soutinho (Site)

Alcino Soutinho (Facebook)

 

Obras

Pousada de D. Dinis

Vila Nova de Cerveira, 1973-84

A intervenção no castelo para adaptação a pousada estende-se a toda a área intra-muros da antiga fortaleza medieval. Há um criterioso aproveitamento das construções existentes para alojamento dos hóspedes, mantendo-se a memória dos espaços e assegurando  a coerência do conjunto. Um edifício construído de raiz, mas com cércea semelhante aos existentes, alberga o restaurante.

Fotografia: Wikipedia – Marco Mourão Costa

 

Câmara Municipal de Matosinhos Câmara Municipal de Matosinhos

Matosinhos, 1981

O programa do concurso previa o estudo de todo o quarteirão, que incluía um palacete do século XIX que foi mantido. O edifício do município desenvolve-se em vários corpos organizados em u à volta de um pátio. A fachada principal de acentuada horizontalidade, apresenta linhas curvas que lhe dão alguma dinâmica. Na cobertura uma cúpula sobressai volumetricamente.

 


Departamento de Engenharia Cerâmica e do Vidro da Universidade de Aveiro

Aveiro, 1988

Fotografia: Litoral Magazine

 


Casa Museu Guerra Junqueiro

Porto, 1995

Fotografia: Escritores a Norte

 


Casa Pina Vaz

Ofir, 1999

 


Biblioteca Municipal Manuel Alegre

Águeda, 2000

Num terreno com uma topografia difícil, a volumetria recortada apresenta grandes superfícies envidraçadas, assumindo grande transparência.

 

 width=
Marginal de Vila do Conde

Vila do Conde, 2002

A Requalificação Urbana da Avenida Atlântica em Vila do Conde desenvolve-se ao longo da linha costeira numa extensão de mais de 2km.

Fotografia: Porto24

 

Museu de Santa Joana
Museu de Santa Joana

Aveiro, 2009

O Museu de Santa Joana é uma obra de ampliação e requalificação do antigo Convento de Jesus onde se acolheu a Princesa Santa Joana. Foi criado um novo corpo em articulação com a preexistência.

 


Museu Amadeu Souza Cardoso

Amarante, 1980

O Museu é um projeto de reabilitação do antigo Convento de São Gonçalo, uma construção do séc. XVI. O projeto de reabilitação e reconversão em museu reconstituiu os dois claustros, desvirtuados pela demolição do corpo que os separava em meados do século XIX.

Fotografia: Câmara Municipal de Amarante

 


Habitação Pinto Sousa

Ofir, 1984-88

A casa, de planta rectangular, é orientada norte-sul sendo que a fachada norte cerrada tendo apenas uma abertura correspondente à entrada. A fachada sul tem aberturas simétricas, com pequenas entradas de luz circulares. Sobressai a cor rosa escuro usada na pintura.

 


Departamento de Química da Universidade de Aveiro

Aveiro, 1991

 


Sede Norte do BPI

Porto, 1993

Fotografia: Luís Ferreira Alves in Público

 


Edifício Castelo do Prado

Matosinhos, 1997-2000

 


Edifício Quinta das Sedas

Matosinhos, 2000-07

O bloco habitacional da Quinta das Sedas apresenta um desenho de linhas horizontais onde a projeção de algumas varandas pontua a fachada.

Fotografia: Alcinho Soutinho (Site)

 


Casa da Cultura José Rodrigues

Alfândega da Fé, 2001-04

Fotografia: blog Alfândega da Fé

 


Museu do NeoRealismo

Vila Franca de Xira, 2002-07

Fotografia: Câmara Municipal Vila Franca de Xira

 


Habitação multifamiliar “Varandas da Venezuela”

Porto, 2012

Neste bloco habitacional sobressaem as formas curvas assumidas pelas varandas, que abrangem toda a largura da fachada principal.

 

 

Related Posts